Sabrina Barrios talks about Feixe (Beam, 2018) at Casa Amarela Providência

In this video (PT only) I talk about my experience living in a favela (slum) in Rio de Janeiro, Brazil, where I’ve immersed myself to understand the lives of those who are never heard.

/// Sobre a minha vida na favela da Providência (Rio) e o que eu aprendi morando lá. Tudo traduzido em arte–que cumpre seu papel de resistência e grita alto por democracia.

Video: Crio.Art

Advertisements

Feixe

Feixe_Lua_02bxFeixe_Lua_03bxFeixe_Lua_07bx

Há alguns meses venho subindo o morro da Providência (Rio de Janeiro), para entender um mundo até então tão distante. Aí eu mudei para lá e vivenciei uma outra realidade. Dessa experiência nasceu a obra Feixe (2018), uma experiência imersiva de 4 andares no Morro da Providência, criada com muito suor e com a indispensável ajuda das crianças da comunidade.

Para quem tiver no Rio (principalmente no centro): não esqueça de olhar para a lua!

Algumas rotas para Portais e Planos de Fuga–por Daniela Mattos

sabrina_dani_001sabrina_dani_002sabrina_dani_003sabrina_003

A artista e curadora Daniela Mattos acompanhou Sabrina Barrios durante a sua residência na Despina (Rio de Janeiro, Agosto de 2018).

Algumas rotas para Portais e Planos de Fuga
por Daniela Mattos

A artista Sabrina Barrios vem desenvolvendo sua pesquisa artística com muitas intensidades: algo de um feminino selvagem e alquímico (tramando o que dá corpo e materialidade às instalações, pinturas e objetos); com o rigor projetivo de seus desenhos; com suas pesquisas que imbricam teoria da conspiração, aspectos formais (mas não literais) que remetem à questões identitárias e históricas de brasilidade; com tantas outras velocidades que não caberiam aqui, talvez por sua natureza conceitual e poética quase holográfica.

Nas obras que Sabrina apresenta como parte de sua residência na Despina – talvez presente em toda sua produção em arte – há algo que nos engana, o que nosso olhar encontra ali muda a cada vez, a cada luz, a cada estado de corpo que a artista nos convoca e provoca, mas não nos obriga a ter.

Nas rotas traçadas ali, nada está dado, “você vê o que quiser, o quanto estiver disposta a captar”, ela nos diz. O que cabe a nós, portanto, é abrir nossa potência vibrátil à alquimia das formas, linhas e planos, decidindo como entraremos pelos portais que estes trabalhos engendram e escolhendo nossas próprias cartografias e planos de fuga.

Light Paintings–FRESH WORK!

Off the Grid (2018) | Acrylic, pastel, charcoal and LED light on canvas | 150x130cm
OffTheGrid_bxIMG_9983_bx

As Above So Below (2016–18) | Acrylic, pastel, charcoal and LED light on canvas | 100x100cm
AsAboveSoBelow_bx_MG_7525_bx

Work developed in Rio de Janeiro during 2 art residencies: Marques456 (Gávea) and Despina (Lapa); between April and August, 2018
IMG_3189

Partidos opens TONIGHT in Rio, Brazil

_MG_7812_bx_MG_7809_bx_MG_7835_bx_MG_7838_bx

Part II of a trilogy about the artist’s journey between the extremes in Rio, Brazil.
Opens tonight, August 24, 7–10pm at Despina (Rua do Senado, 271, Lapa, Rio de Janeiro, BRA).
All invited!

Plano de Fuga on view in Rio de Janeiro

_MG_7147_bx_wppl_MG_7110_bx_MG_7270bx_MG_7275bx

On view at Marques456
Marques de São Vicente, 456, Gávea, Rio de Janeiro, BRA

Finissage on August 18th, Saturday, 4–8pm
All invited!